Inverso

Inverso

Tanta coisa acontece quando não percebemos. Muda o mundo, muda as horas, mudam as estações, os amigos, os endereços. Me pergunto se tudo isso realmente mudou, ou se foi apenas eu que inverti tudo de lugar.
Será? Pergunta sem resposta, retórica, a pior de todas, a unica que você não é capaz de desvendar. Mistério, mudanças, trocas (…)
Até quando? Até quando eu vou maquiar minhas escolhas? Esconder as minhas verdades, por medo. Medo? Sim, medo de ser mal interpretada, medo de perder o pouco que me restou. Pouco que eu tanto prezo e zelo. Poucos sabem o tamanho do meu zelo, poucos entende o meu jeito torto e desajeitado de guardar e cuidar do que tenho.
Sobrou pouca coisa, o que era muito se foi com uma rapidez tamanha, foi só um deslize e pronto o castelo desmoronou. Mais foi bom, foi importante saber o que vale a pena ter na estante. A verdade é que aos poucos eu inverti meus amores e desejos, guardei os sonhos e joguei a realidade para fora do armário. Eu tava precisando enxergar a vida por um outro lado. Fez bem, faz bem!

Anúncios